sexta-feira, 17 de julho de 2009

Homenagem ao vô Ademar


Há mais de um ano se foi o Ademarzinho... a saudade parece aumentar a cada dia. Parece que a dor da angústia de não poder admirar o seu sorriso e a sua paz jamais passará. Contudo, nos erguemos e caminhamos apoiados na felicidade e na gratidão de ter como exemplo uma pessoa tão singular, que amava incondicionalmente a família, os amigos, os conhecidos e até os desconhecidos. O seu amor estará presente durante toda eternidade nos corações de quem o ama, a sua humildade e o seu espírito de um homem batalhador que tem a doçura de uma criança contiuará sendo o motivo para que o senhor seja sempre o nosso herói.

Demarzinho,
sempre guardarei o seu amor e para com os outros o seu carinho
ainda lembro das “cuquinhas”
da paz do seu olhar, das suas pampinhas
e quando olhar para sua mesa de sinuca
nós vamos ficar tristes, o Teco-Teco, o Luca

Demarzinho,
homem simples, humilde, que veio a nós servir de exemplo
fez de um rancho o seu templo
e da horta sua diversão
fez quem o conhecia acreditar que não havia mais pureza do que naquele coração

Demarzinho,
a vovó ficar tristinha, vai sentir muita saudade
a gente vai cuidar dela direitinho
mas para falar a verdade, acho que não conseguiremos dar a ela o mesmo carinho
que foi dado pelo “mais bom” velhinho

Demarzinho,
o senhor só nos trouxe felicidade
agora vai deixar muita saudade
ao lembrar das suas manias, do chá, da rapadura
não vai ter como não bater uma amargura
e no peito uma loucura pedindo para te ver novamente
e olhar, tocar, abraçar quem sempre fez tanto bem para gente

Demarzinho
o senhor não vai presenciar minha formatura
mas eu sei que agora está nas alturas
meu anjo, meu velho, minha alma
sempre lembrarei da sua voz, da sua calma

Demarzinho,
o homem que acordava cedinho
para cuidar das plantinhas, para ficar na construção
foi-se então, tão rapidinho
antes que eu criasse aceitação
mas fica no peito uma imensa admiração
e no seu ranchinho uma invisível solidão
porque vai faltar alguém para cuidar da plantação

Demarzinho
o qual sempre fez tanta caridade
lutou, sofreu, venceu, foi forte de verdade
uma pessoa simples, na qual nunca faltou personalidade
e mesmo após fechar os olhos foi o reflexo da bondade
pois seu coração bate no peito de outro alguém
e sua visão faz quatro verem mais além

Demarzinho,
você foi embora, você foi embora
o que a gente faz sem o senhor agora?
se não está entre nós o Ademar
o vovô, o pai, o marido, o amigo
e como farei para aceitar?
se não vai mais conversar comigo
e com todos os entes queridos seus
mas eu sei, eu sei que isso não é um adeus

quarta-feira, 20 de maio de 2009

EGOÍSMO – “Entre cobras, entre as sobras da nossa escassez”


Eis um assunto que parece tão simples, entretanto tudo que nos remete ao abstrato é muito complexo em sua essência. Daí a nossa necessidade de se preocupar mais com o que é intangível do que com o que é tangível. O que será tratado aqui é o fator egoísmo, o qual está presente nas relações familiares, na escola, nos relacionamentos amorosos, na faculdade, nas empresas e até entre os nossos políticos.
O dicionário de língua portuguesa de Silveira Bueno define o egoísmo como sendo um “excessivo amor aos próprios interesses, sem atender aos dos outros”. Após uma pesquisa na Wikipédia, vimos que o egoísmo é o hábito ou a atitude de uma pessoa colocar seus interesses, opiniões, desejos, necessidades em primeiro lugar, em detrimento (ou não) do ambiente e das demais pessoas com que se relaciona.
E o que será que é realmente ser um egoísta? Será que todas as pessoas egoístas sabem que realmente as são? Na verdade, eu não vou definir por mim mesmo o que é ser egoísta, pois seria egocentrismo exagerado da minha parte. Apenas quero criar uma discussão para a reflexão de quem venha a ler essas palavras.
Antes de expor qualquer opinião, quero deixar aqui o que a palavra de Deus tem a dizer acerca do egoísmo:
“Pois que aproveita ao homem ganhar o mundo inteiro e perder a sua vida? Ou que diria o homem em troca da sua vida?” Marcos 8:36-37. Ou seja, o egoísmo pode destruir o ser humano.
“Pedis e não recebeis, porque pedis mal, para o gastardes em vossos deleites.” Tiago 4:3. Podemos concluir neste trecho que o egoísmo é o problema central entre as pessoas.
“Já estou crucificado com Cristo; e vivo, não mais eu, mas Cristo vive em mim; e a vida que agora vivo na carne, vivo-a na fé no filho de Deus, o qual me amou, e se entregou a si mesmo por mim.” Gálatas 2:20. Assim, vimos que o egoísmo tem remédio, segundo o que está exposto na Bíblia.
Visto isso, fica claro que o egoísmo não pode ser considerado bom, em nenhuma situação, pois dependemos de muitos fatores para alcançar o sucesso e a felicidade sustentável. E o principal fator são as pessoas que convivem conosco e a nossa harmonia com as mesmas. Dizer que o egoísmo não é bom, realmente é bastante clichê, contudo, as pessoas, contaminadas pelo capitalismo, sempre pensam sobre si mesmas, sobre seus sonhos e suas vontades e, dessa forma, imaginam o mundo girando em torno delas, ou melhor, tornam-se egocêntricas. O grande problema de ser uma pessoa egocêntrica é que, geralmente, o egocêntrico é egoísta (quem quer que o mundo gire ao redor de si tende a lutar apenas pelos seus interesses).
Quando falo sobre sucesso e felicidade sustentável, refiro-me aos pilares desses êxitos, pois se os mesmos forem alcançados de forma errônea, tudo isso permanecerá na estrutura do que edificamos. Muitas vezes acreditamos que algumas atitudes ruins são encobertas com outras atitudes benevolentes. Assim, se imaginarmos um prédio que possui algumas pequenas trincas em sua estrutura, não poderemos desprezar tais trincas as quais podem ocasionar ou não o desabamento desse prédio. Os nossos êxitos podem ser vistos da mesma forma: devemos evitar o tipo de sucesso que não se sustenta, valorizando todas as pessoas importantes para alcançar nossos objetivos.
A questão é a seguinte: como não ser egoísta, alcançar o sucesso, ser reconhecido e ter destaque nos grupos dos quais fazemos parte? Afinal de contas para ter êxito não é necessário o crescimento individual?
A resposta para essas questões completa o raciocínio sobre os pilares do sucesso e da felicidade. Gosto muito de uma frase do Bono Vox (vocalista do U2) acerca do que está sendo tratado: “não acredite em excessos, sucesso é para ser dado”. Sem mais, quando, através do nosso sucesso, agimos em favor de outras pessoas, vários pilares nos sustentarão no topo. Cabe ressaltar que podemos alcançar o topo de outras formas, ou melhor, de formas egoístas, o problema aqui está em permanecer no topo.
“Então erguemos muros que nos dão a garantia de que morreremos cheios de uma vida tão vazia” Humberto Gessinger
Não podemos confundir os nossos aliados com bajuladores. Algumas pessoas selecionam quem pode colaborar para o seu crescimento individual e excluem quem “não pode”. Pessoas assim também podem ser consideradas egoístas, e de uma espécie ainda pior, pois usam outras pessoas para satisfação dos seus interesses. Isso também, além de abominável, é insustentável! Nenhuma família é bem estruturada só por causa de um grupo restrito, nenhuma empresa é bem-sucedida por muito tempo apenas devido a um grupo restrito. Todos os membros de qualquer grupo são importantes para o desenvolvimento do mesmo. Tudo o que consumimos tem um pouco do trabalho de pessoas que não tem nenhum conhecimento técnico. Respiramos o mesmo ar e vamos terminar na mesma terra.
A valorização da perfeição, dos excessos, das mentes brilhantes, dos gênios, o desejo de ser acima da média em tudo está deixando o mundo doente. Assim como diz a palavra: “não andeis ansiosos”. Não há necessidade de andar ansioso, pois o verdadeiro gênio não bajula ninguém e prefere manter-se no anonimato. Quem precisa se auto-afirmar, desculpe-me, mas está longe de ser genial. O gênio conquista multidões falando baixo e enaltecendo o próximo, pois se ele realmente tem a sua grandeza, o sucesso do outro não o rebaixará.
Vamos falar baixo, vamos observar o próximo. Há muita gente que passa fome, frio e morre em situações totalmente indignas. Muitos estão no submundo e ficariam gratos se cada um fosse um pouco menos egoísta. Pensar em nossa felicidade é imaginar a profissão ideal, o par perfeito, “um dia super, uma noite super, uma vida superficial”. Pensar na felicidade universal é ser menos egoístas e amar os amigos, os inimigos e os desconhecidos. Cabe a nós saber amar cada um da forma certa, pois no amor não há egoísmo.

segunda-feira, 18 de maio de 2009

1º Concurso Literário - Revelando os poetas anônimos da UFU


Há algum tempo não publico nada aqui. Então, resolvi publicar algo que foi especial para mim: a minha poesia a qual foi uma das selecionadas no concurso de poesias da UFU e está contida no livro que comemora os 30 anos de federalização da Universidade Federal de Uberlândia. A obra tem o seguinte tema: "Experimentando a vida: cotidianos, esperanças e sensibilidades"

A LUZ DIÁRIA - Alex de Oliveira Dutra

Já me fiz da luz diária
Da forma simples de sorrir
A chuva fina me atrapalha
Molha meus sonhos
Vou partir
Dois caminhos
Uma vida, uma escolha
Sentimento jogado na pureza de uma criança
Amarga realidade, doce esperança

Amanhã, talvez, o Sol seja só meu
Venha forte para secar tudo que é seu
Trazendo a paz no horizonte
Antes de dormir atrás dos montes
Leve e limpo dará valor naquele instante

quarta-feira, 25 de março de 2009

TODO TEMPO É TEMPO DE AMAR



Amor, um sentimento tão difícil de ser encontrado...
Parece loucura dizer isso, contudo a verdade é que todos os males que existem hoje ocorrem devido a falta de amor, ou melhor, há muitas pessoas que não acreditam no amor ou acreditam nele da forma como bem entendem, como algo efêmero, que se desgasta com o tempo, contudo isso é realidade para quem não cuida bem do seu amor. Por essa razão há tantas famílias mal constiuídas, tantas traições dentro de um lar, tanto sofrimento em vão por falta de amor, tanta entrega em vão, tanta falta de respeito pelos sentimentos alheios, tantas pessoas que fazem as outras sofrer em prol de suas necessidades passsageiras, enfim 'amores imperfeitos são as flores da estação'.
O amor que é constituído conforme o coração de Deus, é algo eterno, assim como diz a lei:
'O amor é paciente, é benigno; o amor não arde em ciúmes, não se ufana, não se ensoberbece, não se conduz inconvenientemente, não procura os seus interesses, não se exaspera, não se ressente do mal; não se alegra com a injustiça, mas regozija-se com a verdade; tudo sofre, tudo espera, tudo suporta.
O amor jamais acaba.'
Saber amar é um dom de poucos, é algo muito complicado, porém quando se tem um sentimento puro o mesmo pode trazer alegrias imensuráveis. Ninguém é capaz de expôr corretamente todos os segredos do amor, afinal de contas não há segredos no amor, o que há são apenas caminhos longos e pedregosos, pois como esse sentimento é o que se tem de mais valioso sempre haverá muitas dificuldades para alcançá-lo.
Infelizmente as coisas terrenas sempre vão estar contra o amor, as necessidades e as seduções oferecidas pela mídia e pelas pessoas que vivem em busca de auto-afirmação também estarão constantemente nos chamando a remar no sentido oposto da vontade de Deus. A frieza das pessoas tentará abafar tudo o que temos de mais profundo, elas tratarão o amor como algo intenso e descartável, nos infuenciarão a fazer do amor um jogo, uma novela, um reality show, etc.
Cuide bem do seu amor...
...tente imaginar se você tivesse apenas uma casa de pau a pique, uma rede e um rádio com AM e FM, será que você conseguiria ser uma pessoa feliz?
A única forma de se ter felicidade em tais condições é com AMOR, por isso devemos valorizar as pessoas que nos aceitariam e nos amariam nessas situações, sem maquiagem, sem nenhum atrativo externo. Todos nós devemos cuidar do nosso corpo, satisfazer nossos desejos fúteis, mas viver em função das coisas do mundo, de amizades de verão, de prazeres momentâneos é pura ilusão e está longe do conceito divino de felicidade.
Hoje, somos tratados como um produto, nos maquiamos, nos perfumamos, colocamos roupas extremamente caras, enfim, somos embalados para o uso de outras pessoas, as quais logo após esse uso talvez até se esqueçam do nome do produto depois de um certo tempo. Por outro lado, tudo o que você planta em solo fértil e cuida com muita atenção jamais perderá a sua essência, passam-se ventos e temporais e aquela árvore ainda estará intacta, todas as folhas e flores podem ser retiradas, mas a árvore ainda estará lá pronta para dar novos frutos quando lhe forem fornecidos os nutrientes necessários.
É algo que devemos estar sempre atentos, a vida é muito curta, as pessoas especiais são raras, mesmo que a gente tenha 3 “orkuts” lotados de amigos, se um dia precisarmos de algo e estarmos incapazes de fornecer de fornecer algo em troca são raríssimos os que irão nos ajudar. O sentido da vida é encontrado apenas quando aprendemos a viver o amor, seja de pai, irmão, parentes, amigos, esposos. O futuro sempre será o resultado do que plantamos agora, não devemos deixar quem a gente ama para trás e todas as coisas nos levarão a fazer isso, são necessárias muitas bênçãos, muita força, muita personalidade, muita determinação e muita complascência para dar esse rumo tão abençoado na nossa vida. As respostas do amor não são imediatas como o que vemos nas teorias científicas, na televisão, etc. Elas levam um certo tempo até que a gente tome ciência, assim como tudo que é divino, esse é o amor...
Ainda que você seja o mais popular do colégio...
Ainda que você seja uma das principais figuras nas festas de sua turma...
Ainda que você tenha diversas histórias para contar...
Ainda que o seu celular toque 24 horas por dia...
Ainda que você conheça todas as coisas que o mundo oferece...
Ainda que você seja a pessoa mais inteligente e bem-sucedida em seu meio...
Ainda que você sempre faça a sua oração...
Ainda que você conheça os quatro cantos do mundo...
Ainda que você vá à todos os lugares que te dêem algum prazer...
Ainda que você se entregue nos braços das pessoas mais cobiçadas...
Ainda que seja livre para as coisas do mundo...
Ainda que você desfrute de todos prazeres passageiros...
Ainda que você sinta a energia de um som eletrizante...
Ainda que você deixe todos sorridentes com atos excessivos...
Ainda que todos falem sobre você...
Ainda que você fale a língua dos homens e dos anjos, se não tiver amor...
Realmente você não será nada.
O amor te levanta nas horas que te derrubam, te mantém em pé nos períodos de turbulência, te faz sorrir nas horas que você não encontra nenhum motivo para isso, esse sentimento é eterno e não pode ser deixado, não pode ser desprezado, assim como tudo que é sagrado. A paz que esse sentimento transmite pode ser abalada devido a sua simplicidade e a coisa mais complicada no amor é não deixar que sentimentos agudos, como as paixões pelas coisas do mundo abafem um sentimento tão humilde e sem necessidade de grandes expressões devido a sua constância.
Bem, concluo então que devemos viver a vida para o amor e pelo amor e raras são as pessoas que procuram esse caminho pela simples explicação: é o mais difícil e o menos atraente. Contudo a lei de Deus nos diz que poucos são que entrarão pela porta estreita e é por essa porta que devemos entrar, amando e cuidando de quem a gente ama.
Fique com Deus e muito amor no coração! Não se esqueçam do principal mandamento: amai a Deus sobre todas as coisas e ao próximo como a ti mesmo.

Alex de Oliveira Dutra